Renasce uma franquia… Amnesia: Rebirth

Amnesia: Rebirth faz parte da excelente franquia de terror da Frictional Games, Amnesia. Lançado dia 20 de Outubro no Steam, o jogo certamente causou um alvoroço em amantes do gênero. Depois de SOMA, sucesso dos mesmos desenvolvedores, talvez fosse difícil passar a coroa para o próximo game. E foi mesmo. Confira nosso resumo sobre o game.

forte

Em Amnesia: Rebirth você se encontra na pele de Tasi, a sobrevivente de uma queda de avião em meio ao deserto. Aparentemente sem machucados, você sai em busca de seus companheiros de vôo, incluindo seu marido, Salim. Leva um pouco de tempo, mas você eventualmente consegue entender os traumas da sua personagem principal. Entende também, que esse é muito menos um jogo de jumpscares quanto um jogo de terror psicológico em sí. E enquanto é possível jogar ele independente da franquia, o ideal é ter jogado Amnesia: Dark Descente, pois as histórias se conectam por meio da parte sobrenatural das coisas.

exploração

Mantenha-se são!

Explorando cavernas escuras, é necessário, como em outros games da franquia, cuidar de sua sanidade evitando o escuro tanto quanto possível. O que se torna extremamente difícil uma vez que um medalhão estranho te leva a uma dimensão diferente quase sempre escura com uma criatura na espreita. Uma das coisas que acalmam nossa personagem principal, é interagir com seu bebê, ainda na barriga. Embora uma criança como motivação para um personagem feminina seja um tanto clichê, ela cumpre bem seu papel aqui, adicionando outro nível de preocupação na mente do jogador.

nascimento

As mecânicas, como esperado, se resumem em evitar monstros, explorar e solucionar puzzles. O que acontece é que a intensidade de cada uma dessas se modifica bastante ao longo do game, com partes menos e mais lineares. O que torna, talvez, a média de 8 horas de gameplay perfeita. O jogo se desenrola bem, e as partes mais lineares não seguem por tempo suficiente para enjoar a maioria dos players. Além disso, em alguns momentos, as decisões de Tasi podem impactar a forma como o jogo segue, possibilitando diferentes finais.

exploração 2

A volta do medo

No geral, para quem curte a franquia Amnesia, esse é um jogo indispensável. Muitas pontas e explicações sobre o sobrenatural em sí são apresentadas durante sua jornada. E mesmo para quem não acompanha a franquia, esse ainda é um ótimo jogo de terror. Mas falta um tipo de intensidade que impede ele de chegar ao nível de SOMA, por exemplo. O que não deve ser um problema para a maioria dos players, mas para os ansiosos de plantão, é bom baixar suas expectativas. A proposta de Rebirth também é muito diferente da proposta de Dark Descent, e mostra uma franquia Amnesia mais madura e complexa. Sem perder a escuridão de sempre.

corredor escuro

Resumidamente, se você gosta do gênero terror, você deveria jogar Amnesia: Rebirth. E se você não jogou Dark Descent, o ideal seria jogar antes desse jogo. E sim, estou ignorando A Machine For Pigs, porque realmente, não vi conexão. Talvez os R$57,99 sejam um pouco salgados para a estimativa de gameplay, porém se considerarmos os diferentes finais e qualidade do jogo em sí, da pra afirmar que o valor é justo.

Compartilhe isso:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *